.
 
 
Congresso Internacional de Prevenção do Câncer de Colo do Útero em Saúde Pública
 
Educação
 
     
   

Tamanho da fonte:


02/09/2009

Congresso Internacional de Prevenção do Câncer de Colo do Útero em Saúde Pública

Especialistas internacionais se encontram em Porto Alegre para debater formas de eliminar o mal, que mata mais de 20 mulheres por dia no Brasil

O Brasil registra seis vezes mais mortes por câncer do colo uterino que os países desenvolvidos, como a Inglaterra e os Estados Unidos. Segundo dados do Ministério da Saúde, cerca de 9 mil brasileiras morrem, por ano, vítimas do tumor.

Se detectada a tempo, a doença tem cura. Para permitir que mais mulheres se beneficiem com o tratamento, é preciso aumentar a cobertura de programas para rastreamento do tumor e melhorar os resultados dos exames preventivos. De 20 a 40% das análises de laboratório não acusam lesões.

Tendências e novas tecnologias, tanto para prevenção como para tratamento da doença, serão debatidas, de quinta a sábado, no Congresso Internacional de Prevenção do Câncer de Colo do Útero em Saúde Pública, no Centro de Eventos do Hospital de Clínicas de Porto Alegre – HCPA (Rua Ramiro Barcelos, 2.350) - Rio Grande do Sul. Promovido pelo Departamento de Ginecologia e Obstetrícia da UFRGS, pelo HCPA e pelo Instituto de Prevenção do Colo do Útero – Incolo, o encontro médico é coordenado pelo ginecologista gaúcho Paulo Naud, também presidente do Incolo. Estarão presentes as principais entidades mundiais e internacionais da área como International Federation for Cervical Pathology and Colposcopy – IFCPC (Inglaterra), International Union Against Câncer – UICC (Genebra), International Agency of Research on Cancer - IARC/OMS (França), Instituto Nacional de Salud Pública (México), Instituto Nacional do Câncer –INCA e Associação Brasileira de Genitoscopia – ABG.

Já confirmaram conferências, renomados especialistas estrangeiros. Entre eles estão Dr. Rengaswamy Sankaranarayanan, chefe do maior centro de pesquisa de câncer do mundo, o IARC/OMS; Dr. Silvio Tatti, presidente eleito do IFCPC; Dr. Carlo Santos Ortiz, presidente do UICC; Dr. Raul Murillo, Presidente do Instituto Nacional do Câncer da Colômbia; Dr Eduardo Cezar Lazcano Ponce, representante do Sistema da Saúde Pública do México e a Dra. Jennifer Smith, consultora da OMS nos EUA.

Avanços nos exames

Do Brasil, são 17 palestrantes. O paranaense Júlio Cezar Merlin, mestre em biologiacelular e molecular, apresenta avanços para detecção precoce do tumor. Num dos pontos altos do congresso, na sexta-feira (04/09), às 12h15, o pesquisador apresentará um novo exame, mais eficaz e confiável, que deve ser lançado em breve nos Estados Unidos e, posteriormente, no Brasil. O método “Cipatologia em meio líquido” tem a grande vantagem de colocar, numa solução que será enviada para análise laboratorial, 100% das células coletadas no colo do útero. O exame Papanicolau convencional, que recolhe o material com uma espátula de madeira, transfere para a lâmina de vidro somente 18% das células colhidas. Isso dá margem a resultados “falsos negativos”. A paciente tem lesões pré-cancerosas ou cancerosas que não são identificadas no laboratório.

Ações para prevenção e tratamento

Na solenidade de abertura do Congresso Internacional de Prevenção do Câncer de Colo do Útero em Saúde Pública, às 19h30 desta quinta-feira (3/9), será assinada, pelo Incolo e Secretaria de Ciência e Tecnologia, Carta de Intenções de lançamento de curso para médicos e enfermeiros através da internet, sistema chamado de telemedicina. Diretamente do seu local de trabalho, em qualquer cidade gaúcha, os interessados poderão aprofundar, on line, teoria e urática de precaução e cura da enfermidade. O novo método faz parte do programa de educação continuada do Incolo, que já oferece, com frequência, cursos presenciais para profsissionais de sáude da rede pública gaúcha.

Apoiada pela OMS e pelo INCA e, ainda, com parcerias de instituições nacionais e internacionais, será criada, durante o Congresso, a Rede Latino-Americana de Combate ao Câncer de Colo do Útero. Através da iniciativa, as Secretarias Municipais de Saúde e seus médicos terão a oportunidade de estabelecer contato contínuo com organizações que lutam contra a doença.

Na sexta-feira (4/9), será ministrado o Curso Internacional Avançado de Colposcopia, Diagnóstico e Manejo de Patologia no Trato Genital Inferior. A inscrição é gratuita, assim como para participação no congresso aberto a médicos, enfermeiros e secretários de saúde municipais.

Interesse dos municípios

As secretarias municipais de saúde de várias cidades do interior do Rio Grande do Sul mostraram grande interesse em se inscrever no congresso para conhecer melhor as questões relacionadas ao tumor cervical, o segundo que mais mata no mundo inteiro. Organizados pela Associação dos Secretários e Dirigentes Municipais da Saúde - Assedisa, dezenas de secretários e de representantes já garantiram presença.

Serviço

A programação completa do Congresso Internacional de Prevenção do Câncer de Colo do Útero em Saúde Pública pode ser conferida no site www.abev.com.br/colodoutero

Congresso Internacional de Prevenção do Câncer de Colo do Útero em Saúde Pública - 3 a 5 de setembro

Curso Internacional Avançado de Colposcopia, Diagnóstico e Manejo de Patologia no Trato Genital Inferior – 4 setembro

Centro de Eventos do Hospital de Clínicas de Porto Alegre – HCPA (Rua Ramiro Barcelos, 2.350) - RS

Inscrições gratuitas: www.abev.com.br/colodoutero

Informações: (51) 3061 2958.


Autor: Beth Nunes
Fonte: Beth Nunes Assessoria de Imprensa

Imprimir Enviar link

Solicite aqui um artigo ou algum assunto de seu interesse!

Confira Também as Últimas Notícias abaixo!

 
 
 
 
 
 
 
Facebook
 
     
 
 
 
 
 
Newsletter
 
     
 
Cadastre seu email.
 
 
 
 
Interatividade
 
     
 

                         

 
 
.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - R. Dr. Flores, 263 - cj 1101- Centro Porto Alegre - RS, 90020-120
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: mappel@sissaude.com.br. (51) 2160-6581