.
 
 
Coronavírus
 
Notícias
 
     
   

Tamanho da fonte:


20/03/2020

Coronavírus

Fecomércio-RS encaminha ao Governo do Estado sugestões de medidas urgentes para reduzir impacto econômico do Coronavírus

Ofício foi entregue ao governador Eduardo Leite nesta quinta-feira, 19/03, e visa atenuar crise no setor terciário com a queda na circulação de pessoas e no consumo de bens e serviços 

A Federação do Comércio de Bens e de Serviços do Rio Grande do Sul (Fecomércio-RS) encaminhou nesta quinta-feira,19 de março, ofício ao governador Eduardo Leite em que sugere medidas urgentes para atenuar os impactos econômicos da Covid-19 (coronavírus). O setor terciário já sente os efeitos da redução na circulação de pessoas, medida necessária para conter o contágio e evitar o colapso nos sistemas de saúde, mas que ameaça a renda e os empregos de trabalhadores do comércio, serviço e turismo. 

“A situação afeta especialmente as micro e pequenas empresas, as quais possuem, em geral, um fluxo de caixa mais frágil. Sendo assim, é fundamental a adoção de medidas que lhes provejam maior liquidez, permitindo sua sobrevivência, enquanto durar este cenário” alerta o presidente do Sistema Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn.

As medidas sugeridas pela Fecomércio-RS são a postergação do prazo de recolhimento do ICMS para empresas da categoria geral e Simples nacional e a ampliação do parcelamento para recolhimento da complementação do ICMS-ST relativo à 2019, entre outras. Por fim, a Fecomércio-RS sugere o alinhamento com municípios, visando a concessão de medidas relacionadas ao ISS, tais como redução de alíquotas, postergação de prazos de pagamento ou parcelamentos.

De acordo com uma análise preliminar realizada pela Federação, o comércio de rua, bares, restaurantes e os serviços de transporte devem sentir os efeitos das medidas para reduzir a circulação de pessoas a partir desta semana, seguindo movimento já observado entre empresas do setor de turismo e shoppings, que foram os primeiros afetados pela crise, levando em consideração que os primeiros registros da doença no Brasil se deram entre viajantes internacionais. A entidade se colocou à disposição do governador para adotar as ações necessárias a fim de reduzir o impacto das medidas de contenção do Covid-19 na economia gaúcha. 


Autor: Redação
Fonte: Assessoria de Imprensa da Fecomércio RS

Imprimir Enviar link

Solicite aqui um artigo ou algum assunto de seu interesse!

Confira Também as Últimas Notícias abaixo!

 
 
 
 
 
 
 
Facebook
 
     
 
 
 
 
 
Newsletter
 
     
 
Cadastre seu email.
 
 
 
 
Interatividade
 
     
 

                         

 
 
.

SIS.SAÚDE - Sistema de Informação em Saúde - Brasil - R. Dr. Flores, 263 - cj 1101- Centro Porto Alegre - RS, 90020-120
O SIS.Saúde tem o propósito de prestar informações em saúde, não é um hospital ou clínica.
Não atendemos pacientes e não fornecemos tratamentos.
Administração do site e-mail: mappel@sissaude.com.br. (51) 2160-6581